sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

PÓS-GRADUAÇÃO: A IMPORTÂNCIA DO INVESTIMENTO NA CARREIRA PARA O MERCADO

Olá!
Esta matéria foi publicada no Jornal Exta, de 29/01/2009 e acho que pode ser útil!
Sem falar, que acredito nos estudos, na informação e conhecimento. Sempre vale à pena o investimento!

Boa leitura!
Fernanda Guilhon



Enviado por Sandra Mara - 29.1.2009 / 9h00m

Pensando no que fazer em 2009 ?

PÓS-GRADUAÇÃO: A IMPORTÂNCIA DO INVESTIMENTO NA CARREIRA PARA O MERCADO

Oi, bom dia, sei que a maré não anda muito para peixe nos últimos meses, está tudo super caro e com essa crise mundial, muitas pessoas estão perdendo seus empregos ... mas, ainda assim, algumas pessoas podem estar com uma graninha reservada para cursos, e como temos uma oferta de pós-graduação com preços mais acessíveis em algumas instituições de ensino, achei legal a dica que eu recebi da Marcia Helena ... segue abaixo, para vocês pensarem a respeito.

Você sabe qual a diferença entre pós-graduação “lato sensu” e “stricto sensu”?

Certamente, em uma entrevista de emprego, aquele candidato que parece valorizar a educação continuada, mostra para a empresa que se preocupa em se desenvolver, que está buscando uma visão mais global e que se interessa realmente em investir em sua carreira. Além do mais, um “título” pode até ser considerado critério de desempate na hora de se preencher uma vaga.

Mesmo assim, muitos profissionais quando buscam retomar seus estudos após a graduação, parecem ter muitas dúvidas quanto às diferenças que existem entre os dois tipos de pós que as instituições de ensino oferecem: a “lato sensu” e a “stricto sensu”.

De acordo com o Ministério da Educação, as pós-graduações “lato sensu” compreendem programas de especialização e também incluem os cursos conhecidos como MBA - Master Business. Estes possuem a duração mínima de 360 horas e, ainda, ao final o aluno obterá certificado e não diploma, sendo abertos a candidatos diplomados em cursos superiores e que atendam às exigências das instituições de ensino.

Já em relação às pós-graduações “stricto sensu”, pode-se dizer que estas compreendem programas de mestrado e doutorado abertos a candidatos diplomados em cursos superiores de graduação e que atendam às exigências das instituições de ensino e ao edital de seleção dos alunos (normalmente há prova, entrevista, avaliação do currículo e, às vezes, um pré-projeto para a futura dissertação ou tese). Nestes casos, o aluno obterá diploma ao final do curso.

Vale lembrar que para o atual mercado de trabalho ter uma especialização ainda não é propriamente um requisito, porém não deixa de ser um diferencial.

Um grande abraço!
Marcia Helena Santos / Profª de Língua Portuguesa e Revisora de Textos


Publicado: Jornal Extra